junho 07, 2010

4ª etapa - Open Portugal

Quente, quentíssimo está o Open Portugal, agora que se atinge e ultrapassa a metade do circuito, e as equipas se aprestam para o sprint final rumo às agruras ou à glória.

Na Divisão M5, Paintball Clássico de 5 homens, os Oxide somam e seguem num trajecto até à data irrepreensível: 4 etapas, 4 vitorias, mantendo um avanço confortável para um temível pelotão perseguidor composto por Evo, Paintkillers, Sioux, XXL Nazgull e Dukes.

Devido ao menor número de equipas presentes nesta 4ª etapa (9 equipas) a organização optou pelo formato de jogos todos-contra-todos, ou Finais Directas. O que quer dizer que cada uma das equipas disputou 8 partidas (uma contra cada um dos adversários) e no final do dia a equipa mais bem pontuada depois da maratona de partidas seria a campeão da 4ª etapa.

Os Oxide, verdadeiros tubarões da divisão, perderam duas das oito partidas; uma com os Cães da Vila e outra com os Lobitos, terminando o dia empatados em pontos com uns XXL tornados aos seus melhores dias, também derrotados apenas por duas vezes ao longo de todo o dia, uma pelos Evo e outra pelos Oxide, o que lhes garantiu um brilhante 2º lugar na etapa. Na terceira posição ficou outra equipa do Norte, os Evo Team, derrotados apenas por Oxide e Paintkillers, mas com mais um empate, aquele em que cederam o único ponto do dia aos Relâmpagos Flash.

Não posso encerrar este mini report da Divisão M5 sem assinalar ainda as excelentes prestações de Paintkillers, Dukes, e principalmente do Grupo Desportivo Fabril Lobitos, que nesta etapa souberam rosnar e morder a tudo e todos, sendo para mim a grande surpresa da divisão. (rápidas e completas melhoras para o ombro do Lobito que se aleijou...)

Já o disse algumas vezes; a Divisão SPL é a Divisão mais competitiva do Open Portugal ! Mais de metade das equipas participantes é candidata a um lugar nas finais, o que incute a cada ponto de cada partida um carácter absolutamente definitivo, catapultando a qualidade e competitividade da Divisão para patamares que alegram e muito qualquer organizador.

O Sport Algés e Dafundo encabeça o cardume de Tubarões, seguido por Triball e Juventude de Fontainhas Azimut no curtíssimo intervalo de 8 pontos, e ainda com o Clube de Futebol Sassoeiros um pouco distante mas na corrida pela glória da Semi Pro League.

Nesta 4ª etapa o Algés e Dafundo não conseguiu estar à altura dos seus pergaminhos e ambições, tendo perdido a primeira partida do dia contra um mega surpreendente Grupo Desportivo Fabril Lobos (este foi o Sábado da Alcateia, sem duvida!), e embora tenham reencontrado o seu ritmo nas restantes partidas, sucumbiram no ultimo jogo dos preliminares a uns Fontainhas poderosíssimos, ficando com surpresa fora das meias finais.

Seguiram para as meias-finais, a Juventude Desportiva Fontainhas Azimut, como primeiros classificados do Grupo 1, contando por vitórias os jogos disputados. E os Lobos que no seu último jogo derrotaram os Relâmpagos por 3-0, assegurando a primeira meia-final da história deste Clube.

No grupo 2, os serranos Triball, depois de perderem com uns Ballistik II fortíssimos com o reforço do Hugo Domingues (o Formiga do S.L.B.) entraram para a partida versus Clube de Futebol Sassoeiros com o peso de saberem que quem perdesse não passaria às semifinais. Seguiram em frente Ballistik e Triball, os primeiros só com vitórias e os serranos com um suado 3-1 aos ex Wolverines.

De assinalar ainda o crescimento dos Relâmpagos, capazes de levar de vencida e retirar das semis os fortíssimos Pure Pressure. Assinalar o dia negro do Bando de Irmãos apenas capaz de vencer os estreantes Rush e sendo varridos por 0-3 pelos habitues da Divisão. E, é claro, a estreia na Divisão da equipa Rush Vitoria de Janes, a perderem pela mínima distância com Triball e Sassoeiros, honrando os pergaminhos que já se lhes reconheciam nos 5man.

Nas meias-finais os algarvios da Juventude de Fontainhas levaram de vencida os serranos dos Triball com um complicadíssimo 1-0, seguindo para a final principal, onde defrontariam os Ballistik II que se desembaraçaram com um 3-0 dos (hoje) fantásticos Lobos.

Na final de consolação os Triball deram 3-1 aos Lobos, garantindo a 3ª posição do podium e um lugar bem junto ao topo do Ranking da Divisão.

Na grande final a Juventude de Fontainhas voltou a fazer aquilo que fez sempre que esteve presente no Open; venceu por 3-0 os Ballistik II, assegurando 3 primeiros lugares em 4 etapas da Liga de acesso à CPL, e apresentando-se neste momento como o mais temível candidato à subida a CPL no final da época.

Jogadores que me parecem em muito boa forma:
Agostinho Paulino - Triball
Crusty - Pure Pressure
Hugo Domingues – Ballistik 2
Michel – Fontainhas
Paganni – Lobos
Samuel – Fontainhas

Move of the day - Carla aka Fuinha, do Fontainhas.
Quando rasgou pelo centro do terreno para empatar o jogo contra os Pure Pressure com apenas 1 segundo para ser jogado. Cerebral e eficaz... fantástica !

Em Julho há mais, até lá...

André Clemente

10 comentários:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Planeta Redondo disse...

Boas ANONIMO
Sim, os Lobos já foram Campeões Nacionais, se não me engano no ultimo Campeonato organizado pela LPP.
Mas, o Grupo Desportivo Fabril Lobos na modalidade Xball nunca o tinha conseguido.
São os proprios elementos da equipa (Capitão incluido) quem assinala cada novo passo na CPL e agora SPL.
Portanto, guarda para ti os preciosismos desnecessarios.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Planeta Redondo disse...

Ok, ANONINMO, no problemo.

O unico problema é mesmo o não assinares os teus coments, o que me obriga a apagar os posts...

Cuida-te

Berna disse...

Apenas aqui vim mostrar o meu desagrado pela fraca arbitragem de M5. Das piores que já presenciei nos poucos anos que ando na tinta!!! :p

Só mais uma coisa
Desde quando é que o Agostinho te parece em forma ( Uma porca gorda que nem consegue correr). :p

Abraço e até á próxima etapa
Berna

Anónimo disse...

hahahah

Sim oh andré, deves estar a gozar, o agostinho em forma... só se for forma esférica! :D
qq dia tambem dizes que o caramelo veste M :P

Abraço,
Bica

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

Aproveitando este momento único... aviso os nossos adversários que o nosso próximo Snakeman é... Agostinho Paulino.
Não vai haver Cobra que lhe resista... Caramelo já sabes 6 cilindros gigantes deitados, em Julho.

lololo ;)

Saul

Planeta Redondo disse...

Não lhes ligues Agostinho, são uma cambada de egoístas :)

Estiveste muito bem parceiro!
Primeiro a subir e fazer subir nas chamussas, e depois, a resolver chamussas acima (com o velho nos teus calcanhares...).

Parabéns e continua puto!

Abraços para a Serra

Berna disse...

AHAHAH. Pensava que era o Saul que ia começar a jogar na cobra (tipo morsa)!! :p
Mas tanto faz quem vá para lá, desde que não seja o Pinto, que já sofreu muito comigo.
Até á proxima etapa, em que eu vou fazer os 2 pontos prometidos aos Triball... :p

Abraço Anti-serrano